Chega de racistas! CONMEBOL e EA Sports lançam novo kit no EA Sports FC 24 em combate ao racismo

GamesNotícias

A Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) está comprometida com a luta contra o racismo em todos os torneios esportivos. Por esse motivo, e em busca de gerar um maior impacto na comunidade, em parceria com a EA SPORTS, lançaram novos equipamentos para aqueles que desfrutam do modo EA SPORTS FC™ 24 Ultimate Team™. Isso está dentro da estrutura da campanha “Chega de racismo”.

“Não há lugar para o racismo no esporte que amamos, somos todos diferentes, mas estamos unidos por uma paixão comum em cada jogo. A violência gerada por esses comportamentos discriminatórios não contribui para a sociedade, nem dentro nem fora do campo. A CONMEBOL tem o compromisso de promover ações contra o racismo e não damos espaço para a discriminação”, garantiu Alejandro Dominguez, presidente da CONMEBOL.

“A EA SPORTS condena veementemente o racismo de qualquer tipo”, disse David Jackson, vice-presidente de marca da EA SPORTS FC. “Estamos unidos aos nossos parceiros, como a CONMEBOL, na promoção do respeito à diversidade e à inclusão. Temos o compromisso de usar nossa plataforma para espalhar essa importante mensagem em todo o mundo.”

Graças ao trabalho com a EA SPORTS, os jogadores e jogadoras do Ultimate Team™ terão a oportunidade, de 21 de março a 12 de abril de 2024, de obter o novo kit, onde sua composição e suas diferentes cores destacam a multiplicidade de raças e etnias que coexistem atualmente.

Vale ressaltar que, em 9 de maio de 2022, o Conselho da Confederação Sul-Americana de Futebol alterou o artigo 17 do Código Disciplinar, aumentando as penalidades por atos discriminatórios entre todos os principais atores esportivos (clubes, atletas, árbitros e torcedores). Com isso, além de outras sanções, qualquer Associação Membro ou clube cujos torcedores insultem ou ameacem a dignidade das pessoas pode ser sancionado com – no mínimo – US$ 100.000, além da suspensão – total ou parcial – do estádio por uma ou mais datas.

Com esse tipo de ação, a CONMEBOL continua a trabalhar para educar as pessoas sobre o valor do respeito à diferença e convoca todos os atores esportivos a se unirem à campanha e dizerem Basta de racismo!

Leia também:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *