Review - a maior mudança de EA Sports FC 24 é o nome (PC)

Depois de quase 30 anos com lançamentos anuais, o EA Sports FC 24 é o primeiro jogo após o rompimento da EA Sports com a FIFA, a entidade máxima do futebol. Era evidente que a mudança no nome da franquia viria junto com uma mudança na essência em se tratando de ligas licenciadas e modos de jogo. Mesmo assim, chega a ser triste ver a equipe responsável fazer o “mais do mesmo” ano após ano.

Antes de discorrer sobre o novo game de futebol da EA Sports, é importante ressaltar que o versão que a redação do Conecta Geek está jogado, é a de PC (Via Steam).

Nome novo, cara nova

Mas antes de aprofundar nos aspectos mais importantes do jogo, outra pequena mudança do jogo ficou com a identidade visual, que vai da nova logo, os mesus, que agora conta com um design mais milimalista, mas também mais funcional, principalmente por uns atalhos nas, digamos assim, subpastas, que deixa a navegabilidade muito mais rápida. Algo ideal para quem tem pouco tempo e quer ir direto ao ponto – ou preguiçossos, como quem vos escreve.

Agora, na jogabilidade, o jogo traz novas funcionalidades de movimentação da Hypermotion V e da própria engine Frostbite. Existe sim, um carinho na movimentação, estilo de jogo de jogadores, mas não se iludam que apenas os principais craques da geração, como Haaland, Mbappé e Vini Jr passam por essa “aprofundamento” de personagem.

Na prática, essas mudanças deixaram o jogo mais cadenciado e até um pouco mais equilibrado quando enfrentamos times desnivelados. Para quem jogou FIFA 21 e FIFA 22, sabe o quão desnivelado era jogar contra o PSG, principalmente no período que Messi jogava ao lado de Neymar e Mbappé no time parisiense.

Se esse é um ponto negativo, existe um problema que pode afastar jogadores, principalmente os mais casuais. O controle de bola está cada vez mais diícil. Com animações quase irreais, até jogadores de longa data da série precisam de um tempo para se acostumarem. E esse problema é da jogabilidade do jogo como todo, a bola vai ficar “escorregadia” tanto ao dominar a bola com um jogador de overall abaixo dos 60 pontos, como em craques com over acima dos 85 pontos.

EA Sports FC 24 é a melhor e ÚNICA opção offiline

Desde que a Konami mudou de estratégia com sua franquia de futebol, a EA Sports perdeu a concorrência dos jogadores que exploram o game para além da experiência online. Entrando em modos de jogo, alguns realmente ganharam uma repaginada interessante, outros nem tanto… Carreira como jogador e Ultimate Team estão entre os com mais novidades, já Carreira como treinador, Clubs, Temporadas e Volta estão entre os que parecem mais do mesmo.

Como jogador, a Carreira realmente começa com animações inéditas, com o jogador escolhido ou avatar criado em destaque o tempo todo. O agente é uma novidade interessante na experiência imersiva, que também possui cenas de interação seu jogador.

Já no modo Carreira como treinador o mesmo não acontece. Não existem novidades significativas e, o maior chamariz, a tal câmera tática de treinador, acabou decepcionando por não agregar nenhum valor… tático na experiência. Ela funciona só como uma forma de ver o jogo de um ângulo diferente, o que torna, na prática, a mesma coisa que assistir o jogo simulado por meio do campo tático.

Confesso que o Ultimate Team é o modo que menos jogo, mas fiz o esforço sabendo que trata-se de um dos mais queridos entre os fãs da franquia. Dito isso, houve, de fato mudanças significativas. Primeiro pela adição atletas das ligas femininas, um novo sistema para evoluir cartas básicas e novas lendas jogáveis.

O sistema de entrosamento continua o mesmo, a ideia de mesclar os times é até incentivada pelo jogo. A Sam Kerr, por exemplo, consegue estabelecer ligação com jogadores do clube masculino do Chelsea.

Vale a pena?

Mesmo sendo um jogo de futebol, EA Sports FC faz parte de uma franquia com muitos modos de jogos e estilos de jogadores. Quem vos escreve, por exemplo, prefere se divertir nos modos carreira, tanto como treinador, como jogador e eventuais partidas no Temporadas. As novidades de jogabilidade deixaram as partidas melhores para quem prefere um jogo tático, mas piorou no domínio de bola.

Além disso, ainda há pequenos problemas aqui e ali assim como resquícios de abordagens datadas para alguns modos de jogo, mas, ainda assim, o jogo de futebol da EA Sports segue sendo o único a dar aos jogadores a experiência completa em modos de jogo. Isso quer dizer que, embora sem grandes inovações, ele pode ser a única opção – principalmente se seu foco é no jogo offline.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *